Divulgação/BPL

Um novo caso de furto a prédios públicos foi registrado na madrugada de terça para quarta-feira, 19. Desta vez, o alvo foi a Biblioteca Pública Municipal Professor Romeu Ulysséa, localizada no Centro Histórico, de onde um computador foi levado.

O equipamento furtado, modelo HP All-in-One, era considerado o “coração” digital da instituição por guardar os relatórios, inventário de acervo, e dados dos projetos educacionais realizados pela biblioteca de Laguna.

Para conseguir entrar no prédio histórico, segundo relatou uma funcionária ao Portal Agora Laguna, os bandidos acessaram a estrutura anexa e entraram por uma porta dos fundos da edificação. Alguns cabos também foram cortados. Nenhum livro do acervo literário foi levado ou danificado.

O apelo dos funcionários é para que ao menos o disco rígido (HD) da máquina seja devolvido para que as ações da biblioteca não sejam afetadas.

A biblioteca há cerca de dois anos foi alvo de furto por duas vezes. Em um dos casos, os criminosos roubaram a fiação elétrica da estrutura que ficou sem energia por cerca de um mês.

O prédio não tem vigilância patrimonial e o alarme está desativado há tempos, conforme relato. Uma câmera de monitoramento da prefeitura instalada em um poste na frente da edificação está sem funcionar há alguns anos. Recentemente, o Museu Casa de Anita foi invadido e teve o dinheiro do troco levado pelo autor do furto.

O que diz a Secretaria de Educação

Procurada pelo Portal Agora Laguna, a professora Marilete Nunes, secretária de Educação e Esportes, explicou que um boletim de ocorrência foi registrado e que a prefeitura está providenciando a manutenção do sistema de alarmes.