Pintor que recebeu descarga elétrica de 13,8 mil volts deixa hospital 12 dias depois

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 348 visualizações,  4 views today

O jovem Willian Neves, 32 anos, deixou o hospital de Laguna após 12 dias internado, sendo alguns na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Há quase duas semanas, segundo sua tia, Leka, ele nasceu de novo.

Willian é autônomo e pintava uma casa no Molhes da Barra quando recebeu um choque de 13,8 mil volts, no dia 13 de fevereiro. O acidente deixou queimaduras graves em seu corpo, além de ter feito ele cair de uma altura de seis metros. O filho de 14 anos estava próximo, viu a cena e clamou por socorro.

“Você acredita em milagres? Eu acredito! E ele é a prova disso”, comemorou a tia em uma rede social. “Seu quadro clínico é queimaduras graves pelo corpo traumatismo craniano e de dores constantes”, conta Leka. De acordo com ela, foram dias tensos e de muitas orações, “mas com muita fé, o Willian foi se recuperando e obteve alta”.

O jovem está em casa e vai seguir tratamento com medicações e curativos diários, trocados duas vezes ao dia. A orientação médica, diz que ele deve repousar absolutamente, pois, mesmo não tendo que passar por cirurgia devido ao traumatismo, o quadro inspira cuidados. A recuperação deve durar meses.

Os trabalhos autônomos do rapaz – que, por isso, não faz contribuição à previdência social – eram a principal fonte de renda da família, composta por seis pessoas (quatro filhos, sendo um bebê de quase dois anos).

A tia Leka Neves informou que a principal necessidade da família está em conseguir alimentos e que a campanha de arrecadação segue ativa. Doações de cestas básicas podem ser entregues na loja Power Vídeo (bairro Magalhães) ou bancárias na conta (Caixa): agência 0421, operação 013, poupança 96676-3, em nome de Warlei Neves.

Notícias relacionadas