Divulgação/TJSC

O ano iniciou aquecido para as exportações de carne suína catarinense que registraram um novo recorde. As receitas geradas com as vendas externas em janeiro alcançaram de US$ 91,76 milhões, alta de 1,7% em relação ao mês anterior e de 74,2% na comparação com janeiro de 2019. Os dados são do Boletim Agropecuário do Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Epagri-Cepa). Em termos de volume, foram exportadas 38,56 mil toneladas (in natura, industrializada e miúdos), alta de 2% em relação ao mês anterior e de 31,6% na comparação com janeiro de 2019. Esse é o segundo maior volume já exportado num único mês, ficando atrás apenas de julho de 2018. Segundo o analista de mercado de suínos da Epagri-Cepa, Alexandre Giehl, o principal motivo do crescimento continua sendo o aumento dos embarques para a China. “China e Hong Kong (que é uma região administrativa da China) responderam por 68,8% dos embarques catarinenses no mês passado”, frisou. Segundo ele, até agora não se percebeu nenhum impacto significativo nas exportações carnes em função do avanço do coronavírus, mas que o impacto pode se dar de outras maneiras, diretas ou indiretas, como a restrição de circulação de pessoas em algumas regiões, que dificulta a chegada de produtos até as cidades ou províncias afetadas. Em termos de impactos indiretos, pode se mencionar a redução do ritmo de crescimento da economia chinesa, que resultaria na redução da renda da população e num menor consumo de carnes.

Teletrabalho no Judiciário

O Órgão Especial do Tribunal de Justiça (TJ-SC) regulamentou o teletrabalho no Poder Judiciário. O programa deve ser expandido este ano e entre as novidades estão a possibilidade de teletrabalho no exterior, a permissão para atuação em regime parcial e o fim da atual limitação dos postos em cada unidade beneficiada. A juíza auxiliar da presidência e integrante do Comitê Gestor do Teletrabalho, Carolina Ranzolin, informou que atuam como teletrabalhadores no PJ-SC 402 servidores – 313 mulheres e 89 homens. Destes, 277 têm lotação nas comarcas e 125 na sede do Tribunal de Justiça. No total, 47 residem em outros estados – o mais distante trabalha no Tocantins. Enquanto o programa cobra produtividade 20% acima daquela apresentada pelos colegas que executam as mesmas tarefas presencialmente, a produção média dos teletrabalhadores em 2019 teve incremento de 47%. Isso representou, no período, um acréscimo virtual que seria obtido com outros 188 servidores.

“A falta de competição é ruim para a Petrobras, porque se não tem competidores, acaba virando um fat cat (gato gordo). Por que vou cortar custos, produzir inovações? Não tem ninguém aí para desafiar”

– Presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, ao anunciar a venda de oito das 13 refinarias até o final de 2020.

Prestação de Contas Termina no dia 28 de fevereiro o prazo para as prefeituras enviarem a prestação de contas de 2019 ao Tribunal de Contas (TCE-SC). Levantamento da Corregedoria Geral do TCE mostra que os municípios têm descumprido sistematicamente o prazo. No ano passado, apenas 44 das 295 administrações entregaram os balanços referentes a 2018 até a  data limite. No ano anterior, esse número foi ainda menor: sete.

“Operação Alegria” Começa nesta sexta-feira (21) e vai até o dia 26, no término do Carnaval, a “Operação Alegria” da Polícia Militar. Será disponibilizado um reforço de efetivo de cerca mil policiais distribuídos entre os municípios com o maior número de eventos e aglomeração de foliões. As principais ações serão para coibir o porte ilegal de arma, a posse e o  comércio de drogas, a venda de bebidas alcoólicas em desacordo com a legislação e a condução de veículos em via pública sob efeito de álcool ou substâncias psicoativas.

Chapecó e Medellín O livro “Chapecó e Medellín – Unidas para sempre”, de autoria do prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, e do jornalista Paulo Hoeller, será lançado dia 3 de março em Florianópolis, na Livrarias Catarinense do Beiramar Shopping. A obra traz uma investigação detalhada e relatos exclusivos da maior tragédia do futebol mundial, o acidente aéreo com o time da Associação Chapecoense de Futebol, ocorrido em 2016.

Mínimo regional O Plenário da Alesc aprovou, esta semana, por maioria, o reajuste de 4,96% no salário mínimo regional de SC. Enquanto o mínimo no país é de R$ 1045, o valor no estado alcança R$ 1.391. O texto segue para sanção e os valores são retroativos a 1º de janeiro.

Sommelier Profissional A Associação Brasileira de Sommeliers de SC inicia nova turma de sommelier profissional no dia 20 de março, com encontros mensais até setembro, sempre aos finais de semana, em Florianópolis. O curso tem certificação emitida pelas ABS-SC e ABS-SP, filiadas à ASI – Association de la Sommellerie Internationale, e é aceita no Brasil e mais 57 países. Habilita apreciadores de vinho a atuar nos mais diversos segmentos de mercado e proporcionar conhecimento detalhado sobre o universo da deliciosa bebida.


PELO ESTADO, é uma coluna diária produzida pelas jornalistas da rede SCPortais. O conteúdo é compartilhando com mais de 30 veículos e traz assuntos relevantes da política e economia do estado, além de entrevistas com personalidades fortes catarinenses.


As informações e opiniões expressas não refletem o pensamento do Agora Laguna e são de total responsabilidade de seu autor.