Foto: Elvis Palma/Agora Laguna

Uma das mais frequentadas praias de Laguna, o Mar Grosso pode ter um posto guarda-vidas à disposição dos banhistas durante o ano inteiro. A possibilidade está sendo estudada pelo Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBM-SC), que analisa ampliar o monitoramento para prevenir ocorrências afogamentos no litoral catarinense.

O estudo foi revelado pelo comandante da 1ª Região dos Bombeiros Militares, Cesar Assumpção Nunes, em entrevista à rádio CBN Diário, de Florianópolis e confirmada pela assessoria de comunicação social do comando-geral da corporação. A possibilidade foi uma sugestão do governador Carlos Moisés (PSL).

“Nossa ideia é criar novas regras para estes locais sem guarda-vidas e em frente à associações, clubes e propriedades privadas em que as pessoas costumam se banhar. Precisamos de boias, placas que informem das condições e do perigo para conscientizar as pessoas”, afirmou Nunes, na entrevista concedida ao jornalista Renato Igor.

De acordo com a corporação, as pesquisas vão levantar custos de operação, os riscos das praias, além dos dados coletados durante a Operação Verão, que indicam as quantidades de atendimentos e prevenções necessários. As análises criteriosas e que serão divididas em três características:

  • praias que possuem necessidade de atuação o ano inteiro;
  • praias que possuem necessidade de extensão do período de monitoramento – antecipação e finalização;
  • praias que possuem necessidade de monitoramento em épocas pontuais, como feriados, por exemplo.

Ainda de acordo com o CBM, o comando identificou que algumas praias catarinenses exigem atenção em períodos além da temporada, mas ressalta que nenhuma medida será adotada imediatamente. “Neste momento, apenas são realizados os levantamentos necessários para este estudo, além da revisão dos materiais de instruções da coordenadoria de salvamento aquático”, disse a corporação em nota.

Praias

As praias que podem ter monitoramento estendido, além do Mar Grosso, são: Barra Velha, Itapema, Prainha (São Francisco do Sul), Brava (Itajaí), Piçarras, Palmas (Governador Celso Ramos), Campeche e Canasvieiras (Florianópolis), Guarda do Embaú (Palhoça), Praia Central (Garopaba) e Mar Grosso (Laguna).