Divulgação

Redes de pesca irregulares foram apreendidas em operação realizada na madrugada deste domingo, 8, pela Polícia Militar Ambiental de Laguna.

Pelo menos quatro pontos de espera – aproximadamente 90 metros de cordas – para colocação de redes tipo saco – para capturar camarões – foram apreendidas no canal de navegação próximo a travessia da balsa, segundo informações do Portal Infosul.

Durante um patrulhamento aquático no complexo Lagunar e Rio Tubarão, foram apreendidas oito redes de pesca colocadas de forma ilegal entre as pontes do quartel e Cavalcante, em direção ao Km 60, em Tubarão. Elas estavam atravessadas de margem a margem. Esse tipo de rede é a mesma que costuma vitimar botos pescadores. Os peixes vivos emalhados nesta localidade foram devolvidos ao rio, já os mortos (18 quilos) foram doados a Casa da Amizade, entidade filantrópica do município de Laguna.

Na mesma operação, em rondas na orla marítima da praia do Mar Grosso, também foram apreendidas duas tarrafas que estavam abandonadas dentro de uma embarcação.

De acordo com a PMA, ninguém foi preso, no entanto, a polícia trabalha com suspeitas e está investigando os casos.