Foto: Agora Laguna

A calmaria e tranquilidade típicas das comunidades do interior de Laguna vem perdendo espaço para a criminalidade. São constantes os registros de furtos e perturbações do sossego nos últimos meses na região do Distrito de Ribeirão Pequeno.

Na última madrugada, as vítimas foram dois pescadores que tiveram seus petrechos furtados de ranchos, usados para armazenar os materiais utilizados durante a pescaria, no porto da localidade. Os criminosos arrombaram a fechadura e o cadeado das portas dos locais.

“Eles furtaram todas as tarrafas que tinham nos dois ranchos, em torno de seis cada um, baterias, macacões de pesca, botas, dois botijões de gás, fogareiro, cooler, barraca de camping, entre outros objetos”, lamenta uma das vítimas, que só percebeu o fato por volta das 03h da madrugada.

Os pescadores já realizaram boletim de ocorrência e a Polícia Civil vai investigar o caso. Cansados dessa onda de insegurança, moradores da comunidade estão formando uma comissão para cobrar das autoridades uma maior atenção à região do distrito. “Queremos uma presença maior da polícia aqui, câmeras, rondas, e paz na região, antes que o pior aconteça”, comenta um morador.

O primeiro encontro acontece nessa segunda-feira, 05, às 19h, no salão paroquial.

Foto: Agora Laguna