As chuvas que caíram sobre Laguna entre a madrugada e a manhã desta sexta-feira, 24, causaram diversos problemas nas estradas da cidade. Os casos mais significativos estão sendo registrados na região do Distrito de Ribeirão Pequeno, interior do município.

Pela manhã, a água deixou a via principal da comunidade da Figueira intransitável e na região de Morro Grande, o volume de chuva danificou pedaços do acostamento da estrada municipal João Batista Wendhausen Moraes (vídeo). Equipes da Secretaria de Obras e Transportes foram destacadas para resolver os danos causados nas estradas, a maior parte delas de chão batido, e fizeram ações de recuperação temporária, principalmente na Figueira.

Ainda na região do distrito, a cachoeira transbordou e invadiu alguns terrenos, em Ribeirão Pequeno. Os problemas nas vias de acesso às comunidades provocaram alterações também foram feitas nas linhas de ônibus que ligam Madre e Ribeirão ao Centro da cidade.

As aulas da escola municipal de Bananal foram suspensas após a água invadir o prédio do colégio. Cabeçuda, Mato Alto, Parobé, Jardim Juliana e outros pontos da cidade também estão registrando estragos causados pela chuva. Alagamentos foram registrados às margens da BR-101, em Bentos e em Bananal, parte de uma barreira caiu sobre o acostamento da pista.

Segundo a Epagri/Ciram, a previsão para esta sexta até a madrugada de sábado, 25, é de chuva persistente, acumulando elevados totais, de 70 mm a 100 mm em 12 horas, com pontuais mais elevados, em torno e acima de 120 mm. A prefeitura de Laguna informou que um documento, que será encaminhado à Defesa Civil, está sendo elaborado para poder decretar situação de emergência.

Situação da cachoeira em Ribeirão Pequeno

Situação da ponte de acesso à comunidade de Parobé

Situação da ponte de acesso à comunidade de Parobé