Divulgação

Laguna voltou a registrar saldo negativo na geração de empregos, segundo dados divulgados nesta quarta-feira, 24, pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Foram ao todo 205 admissões contra 413 demissões na cidade, o que gerou um saldo negativo de 208 postos de trabalho. Os setores de comércio e serviços foram os que apresentaram os maiores números negativos com um total de 325 desligamentos. Em fevereiro foram 80 novas oportunidades e no acumulado do ano o saldo é de menos quatro vagas. (Confira mais detalhes abaixo).

Santa Catarina, assim como a terra de Anita, também registrou um saldo negativo de 2.418 postos a menos com carteira assinada, num total de 65.322 novas vagas e 76.740 demissões.

Para fazer a conta da geração de empregos , o Caged leva em consideração todas as contratações e demissões realizadas durante o mês. Em março de 2019, portanto, o saldo no Brasil negativo foi de 43.196 vagas. Esse foi o primeiro resultado negativo em três meses no país e o pior saldo para meses de março desde 2017.

Na região:

Tubarão: -548
Criciúma: 174
Imbituba: -183
Araranguá: 41
Florianópolis: -2.578

Confira os dados de Laguna em março de 2019:

SETORES TOTAL ADMISSÕES

TOTAL
DESLIGAMENTOS

SALDO
EXTRATIVA MINERAL 0 0 0
INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO 20 57 -37
SERV INDUST DE UTIL PÚBLICA 0 1 -1
CONSTRUÇÃO CIVIL 1 11 -10
COMÉRCIO 85 156 -71
SERVIÇOS 72 169 -97
ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 0 0 0
AGROPECUÁRIA 27 19 8
TOTAL 205 413 -208

Números de Laguna em 2019

SETORES TOTAL ADMIS. TOTAL DESLIG. SALDO VARIAC. EMPR %
EXTRATIVA MINERAL 3 2 1 7,69
INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO 129 115 14 1,69
SERV INDUST DE UTIL PÚBLICA 4 1 3 3,41
CONSTRUÇÃO CIVIL 33 19 14 9,79
COMÉRCIO 246 363 -117 -5,34
SERVIÇOS 364 358 6 0,25
ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA 0 0 0 0,00
AGROPECUÁRIA 120 45 75 34,09
TOTAL 899 903 -4 -0,07