Foto: Polícia Civil / Divulgação

A Polícia Civil de Laguna deu cumprimento nesta segunda-feira, 11, a um mandado de busca e apreensão e prisão preventiva contra um homem de 32 anos, que cometeu furto qualificado em escritório de advocacia, no dia 15 de janeiro deste ano, no bairro Progresso. De acordo com a Polícia Militar, o criminoso entrou pela janela basculante e furtou duas torneiras, uma televisão de 23 polegadas, dois notebooks, uma pasta e um HD externo.

Segundo a polícia, a partir do registro do boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia foram realizadas diligências preliminares pela equipe de policiais, assim como instaurado o devido inquérito policial e encaminhado ao Poder Judiciário representação pela concessão de medidas cautelares, as quais foram deferidas com manifestação favorável do Ministério Público.

O indivíduo preso tem a prática de furtos como modo de vida, cometendo reiterados crimes patrimoniais desde 2017. Os trabalhos foram coordenados pela delegada Carolina Quintana Guedes.